Prefeito busca recursos do PMAT para investimentos em segurança

Secretaria de Gabinete

06 de novembro de 2018
Acessibilidade

O prefeito Marcus Melo esteve nesta terça-feira (06/11) reunido com técnicos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) na sede da instituição, no Rio de Janeiro. Ele esteve acompanhado pelo secretário municipal de Gabinete, Marcos Regueiro. Na pauta, a liberação de um financiamento de R$ 68 milhões do Programa de Modernização da Administração Tributária (PMAT) para o município investir em ações que melhorem a segurança dos mogianos.

“Os recursos serão utilizados, por exemplo, na implantação da Central de Inteligência de Segurança que iremos construir na avenida Engenheiro Miguel Gemma. Será um amplo espaço estratégico que vai abrigar as novas sedes da Guarda Municipal, da Central Integrada de Emergências Públicas, que é responsável pelo monitoramento das mais de 300 câmeras espalhadas pela cidade, além da nossa Defesa Civil e do Departamento de Fiscalização da Prefeitura”, explica o prefeito.

Marcus Melo ressalta que a Prefeitura iniciou o trabalho para obtenção do financiamento do PMAT em meados do ano passado. “Os técnicos do BNDES já foram a Mogi das Cruzes várias vezes, nos orientando sobre todos os passos necessários para obtenção dos recursos. A Prefeitura de Mogi possui uma saúde financeira muito boa. Ano passado tivemos um momento muito difícil, mas com sacrifício conseguimos superar, manter todos os serviços funcionando e as contas absolutamente em dia, o que nos credencia a buscar esta linha de crédito”.

Além da implantação da Central de Inteligência, a Prefeitura também utilizará parte dos recursos para expansão do sistema de fibra óptica, fundamental para que a cidade possa expandir o sistema de monitoramento por câmeras e o alcance da internet para prédios públicos mais distantes do centro da cidade. “Apesar de a segurança pública ser uma atribuição do Estado, a Prefeitura deve também colaborar naquilo que for possível. Porque o que todos queremos é uma cidade mais segura, com mais qualidade de vida. Não podemos ficar de braços cruzados esperando apenas a ação do Estado”.

Melo lembra que o sistema de monitoramento da cidade é composto por mais de 300 câmeras espalhadas em vias e prédios públicos. “Recentemente fizemos uma parceria com Associação Gestora do Distrito Industrial do Taboão (Agestab) e incorporamos mais 10 equipamentos à nossa central, além de um novo equipamento em Sabaúna. Além disso, temos outras 22 que estão em processo de aquisição pela própria Prefeitura. Vamos continuar investindo na ampliação do sistema”, garante o prefeito.

O secretário de Gabinete, Marcos Regueiro, também destaca que os recursos do PMAT também serão investidos na modernização do datacenter da Prefeitura e na capacitação dos servidores municipais.

“Também são setores essenciais para melhorar o atendimento ao munícipe. A Prefeitura trabalha de maneira acelerada para facilitar a vida do contribuinte e desburocratizar serviços. Já temos muitos aplicativos e serviços que funcionam online, que permitem ao cidadão utilizar serviços da Prefeitura sem que tenha a necessidade de se deslocar até a nossa sede, mas a determinação do prefeito é que continuemos investindo nesta modernização, que facilita e agiliza o acesso das pessoas aos serviços da Prefeitura”. (Luiz Suzuki)